25 - 27/11/2011 - Encontro MC Indaiatuba

Aiai, sabia que as coisas melhorariam logo, e agora posso contar com mais ânimo como foi meu final de semana, e aqui entre nós, foi bem legal : Aventuras, descobertas, amizades ... td e mais um pouco.

No final de semana passado ocorreu o e foi o máximo o ...



Pela primeira vez criei coragem e decidi acampar no evento, e foi uma experiência interessante. Semana passada troquei de moto, agora estou com o Fazer Ys 250, e essa foi a viagem de estreia, e a Onix se comportou muito bem viu.

Claro que durante td a semana minha mãe falou várias vezes para eu não ir, mas não sou fã de deixar as oportunidades passarem, então estava decidida. Com a ajuda do meu pai, tirei o baú da pikachu e coloquei na Onix, tbm comprei dois elásticos para prender na moto, peguei uma barraca, o colchonete, arrumei e amarrei td e fui :-D

Lógico, como de costume me perdi, pelo mapa eu deveria ter pegado a Bandeirantes, mas nunca acho essas pistas, então parei num posto e perguntei sobre o caminho, o frentista me recomendou ir pela Santos Dumont, fico meio insegura nesse caminho pq passa no meio de uma favela, mas no fim deu td certo, com essa indicação cheguei tranquilamente em Indaiatuba. Para chegar no Parque dos trabalhadores tbm foi tranquilo, estava bem sinalizado pelo pessoal do Federados MC.

Chegando lá, fui logo montar a barraca, e pra quem nunca tinha feito isso, até que me saí bem viu :-D




 
Depois fui dar uma volta no evento, não tinha muita gente, e dos que tinham, eu não conhecia ninguém, e tímida do jeito que sou ... achei que ficaria sozinha até criar coragem de falar com alguém, até que .... dei de frente com um amigo que só conversava pelo msn, e de cara logo nos reconhecemos, e descobri realmente um novo amigo.


 O João Carlos é uma pessoa interessante, com opiniões próprias e oportunas, é independente, faz as próprias coisas, usa GNU/Linux e é super fã de moto, o que acho o máximo.

Conversamos bastante, passamos a tarde td batendo papo, vendo os outros modelos e curtindo o show. Conversamos sobre mtas coisas, como Informática, histórias da vida, motos ... e uma coisa que achei o máximo, ele me deu a oportunidade de conhecer mais a respeito de mecânica, me emprestando um livro que estou achando mto interessante, valendo a pena cada página.



Uma parte engraçada desse dia foi na hora de comer, já estava ficando com fome e ele deu a ideia de comer uma pizza. Detalhe : pegamos a pizza e fomos lá pra perto da minha barraca comer, achei essa sensação legal, pq raríssimas vezes como pizza com a mão, e nunca improvisando tampa de caixa como prato.

Graças a cia de um novo amigo, o sábado foi demais. 

A noite fui pra minha barraca ler, e concluí que com certeza tenho cara de quem gosta de criança, e elas sabem disso. Enquanto estava deitada, duas menininhas lindas se aproximaram e ficaram batendo papo comigo, tão fofas. Depois que elas foram embora, uns 15 minutos depois, mais três meninas se aproximaram, isso mesmo, maaais criança kkkk elas queriam ver como era ficar numa barraca, bater papo .... e nessa brincadeira passamos da 1 da madrugada.

Qdo foram embora, logo pude dormir, mas choveu a madrugada td, e esfriou bastante. Planos para o próximo evento: Comprar um colchão de ar kkkkk colchonete não está com nada, que dor no corpo!!!

O domingo amanheceu lindamente, fui tomar um banho, e que delícia, tinha água quente, mto bom, depois café da manhã servido pelo MC.

Algum tempo depois eu estava me sentindo sozinha, aí me aproximei de um desses caras que parecem hippie e que vende bijouterias, e foi um dos momentos  que achei mais legal. O Luciano é uma pessoa simples e encantadora, e um cara extremamente inteligente, conversamos sobre pedras, viagens, calendário maia dentre outras coisas legais. Comprei um brinco e uma pulseira, e ganhei um anel feito na hora, e estou encantada pelas peças até agora, lindo demais.

Enquanto ainda estava com ele, chegou meu amigo Walter, e pouco depois saímos para ver o resto do evento, comer e bater papo, ele é sempre uma ótima cia. No evento tbm estava combinado de encontrar o Messa do PN, mas dessa vez não deu certo, fica para a próxima ;-)


Lá pelas 15 hs decidi voltar, antes que pudesse chover, novamente me perdi no caminho rsrsrs era pra ter pego a Bandeirantes, mas nada de achar kkkkk acabei indo parar no aeroporto de Viracopos, mas logo dei um jeito e tomei  o rumo certo.


Cheguei tranquilamente aqui em casa, só morta de cansaço, mas com a cabeça revigorada.

Em passeios assim concluo que realmente não podemos depositar a razão ou a responsabilidade da nossa alegria em outros. Td depende do nosso entusiasmo e iniciativa, e topar fazer algo assim, mesmo sozinha, me deixa mais viva e realmente feliz.

Agora segue algumas fotos das motos que tinha por lá :


































Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

18/11 - Ushuaia, o sonho realizado

16/11 - Rumo a Ushuaia, mas incompletos

15/11 - O dia que as coisas não saíram como o planejado