01/05/2013 - São Pedro com a galera do Teneré Club

Sempre defendi que ser motociclista vai muito além de qualquer diferença, sejam elas: marcas, modelos, cilindrada, brasão, colete, idade, sexo ou qualquer outra banalidade que alguém possa querer impor, e sabe qual o proveito disso? Um dia divertido, com um belo passeio de moto e novos amigos!!!

No feriado de 1º de maio, em plena quarta-feira, fui para São Pedro com a galera da região de Campinas do fórum Teneré Club. Como estou me achegando agora... estava receosa... mas quer saber? Foi o máximo \o/

Outra novidade maravilhosa é que foi a primeira viagem oficial com a Phione, minha nova motoca. Esqueci de apresentá-la aqui no blog né... então... essa é a Phione :-D a mais nova integrante da família \o/ rsrs


Começamos muito bem, a adquiri de um Highlander do Rio de Janeiro, e olha que chato... tive que ir pra lá buscá-la rsrs. No dia 21 de Abril embarquei pras terras cariocas afim de conferir a motoca e fechar negócio...e já voltamos juntas, rodando 400 km's, isso que é começar com chave de ouro hein ;-)

O plano de pegar uma Lander é justamente ter a possibilidade de motocar em qualquer terreno. Claro que ainda tenho muito o que aprender, mas estava ansiosa por essa oportunidade.

Voltando... então... a viagem desde post aqui é para São Pedro rsrsrs ... vamos lá rsrsr  nos encontramos próximo à Americana para seguirmos juntos, estávamos em 4 motos, 3 Tenerés e eu, de Lander rsrs penetra na história kkkk.

Fizemos uma viagem bem tranquila, dando pra aproveitar cada momento.






Sr e Sra WeekendBikeRider, motown250 pai e filho, o Mosca e eu



Uma curiosidade é que fomos parados por uma blitz policial, e todo mundo teve que mostrar o documento. Bem, quem não deve não teme, mas tinha alguém com cara de suspeito nessa história hein :-P . Como todos estavam com tudo ok, logo pegamos o caminho novamente.





O objetivo era seguir rumo à cachoeira do Saltão, um lugar lindo que possui 3 cachoeiras, além de uma trilha bem legal, e ótimo restaurante. Claro né, bicho da cidade não vai pro meio do mato sem uma estrutura kkkkk.

Pra chegar lá, pegamos um pedaço de terra bem tranquilo também, mas foi bom pra conhecer a motoca, e é outra história hein, que diferença da Fazer. Bem que me falaram que depois de ter uma trail... dificilmente vou querer outra tipo naked .

Gravei uns vídeos do caminho... mas fiz um apanhado geral e no final do post coloco o link.





Quando eu "crescer" ainda tomo coragem pra andar na terra igual os caras :-$


Bem, o lugar é realmente o máximo, mas não saímos de casa só pra ficar olhando, logo pegamos o rumo para as cachoeiras, e a aventura continua.. :-)








Lugar incrível hein, com a natureza deslumbrante desse jeito... imagine se o esforço não valeu a pena *-*





Depois de curtir um pouco, ainda andamos um pouco mais em direção a uma segunda cachoeira :-)





É uma pena que estava com tão pouquinha água que nem dá pra ver pelas fotos, mas foi o máximo da mesma forma \o/




Quando a fome começou a apertar... pegamos o rumo de volta rsrs muito ainda estava por vir


Depois da subida que não foi fácil rsrs e do merecido almoço, fomos em direção a pista de parapente, pois é, a aventura ainda seria pelos ares rsrs

Lindo o lugar, vista incrível durante a estrada.


E olha a preparação\o/ show hein !!! O céu é o limite kkkkk




Primeira vez que voei de parapente, e a experiência foi bem legal, é muito, muito tranquilo kkkkk até demais, um pouquinho mais de emoção é até bem vindo rsrs


Valeu muito a pena o dia, experiência e lugares enriquecedores, com novos amigos que, espero, ainda rodar muito por aí o/ Foi um prazer enorme conhecer todos :-)

E final do dia... 361 km muito bem rodados, ótimo para uma quarta-feira, não acha?


Conforme prometido, segue o vídeo do rolê, uma montagem com as imagens e a filmagem da estrada ;-)



E pra galera que foi comigo, se quiserem pegar as fotos... estão no picasa


Vlw!!

o/

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

18/11 - Ushuaia, o sonho realizado

16/11 - Rumo a Ushuaia, mas incompletos

15/11 - O dia que as coisas não saíram como o planejado